326_-_hipertensao_arterial

Hipertensão Arterial – Bases Fisiopatológicas e a Prática Clínica

R$ 217,00

Coordenador: Eduardo M. Krieger / Organizador Geral Heno F. Lopes / Editores: Luiz A. Bortolotto, Fernanda M. Consolim-Colombo, Dante M. Artigas Giorgi, Jose Jayme G.de Lima, Maria Claudia da C. Irigoyen, Luciano F. Drager

ISBN: 9788538804314

Páginas: 696

Formato: 17,5 x 25 cm

Edição: 1ª Edição

Ano de lançamento: 2013

Entrega

Calcule o valor do frete estimado para a sua região.


Descrição do produto

SINOPSE:

Hipertensão Arterial – Bases Fisiopatológicas e Prática Clínica é livro abrangente para todos os interessados em aprofundar seus conhecimentos conceituais e clínicos sobre o tema.

O livro tem sua origem na Unidade de Hipertensão do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (InCor-HCFMUSP), a cujo corpo clínico pertence sua autoria, muito embora forte contingente de ex-alunos integre a obra.

Sua linha didática é extremamente criativa na medida em que segue linha inteligente que se inicia na pesquisa e finaliza na prática clínica propriamente dita, o que vem oferecer embasamento e segurança ao raciocínio clínico propriamente dita, o que vem oferecer embasamento e segurança ao raciocínio clínico e a indicação de exames complementares.

Hipertensão Arterial – Bases Fisiopatológicas e Prática Clínica aborda as principais seguintes questões: (1) modelos de hipertensão experimental, (2) genética, (3) controle central do metabolismo hidromineral, (4) sistema-renina-angiotensina-aldosterona, (5) sistema-calicreína-cinina na regulação cardiovascular e renal, (6) a função endotelial na hipertensão, (7) epidemiologia, (8) fisiopatologia, (9) medida da pressão arterial, (10) comorbidades, (11) diagnóstico e estratificação do risco, (12) tratamento, (13) urgência e emergência hipertensiva, (14) hipertensão secundária.

O livro apresenta 1 Coordenador, 1 Organizador Geral, 6 Editores, 73 Colaboradores. São 3 Partes, 38 Capítulos, incluindo os aspectos históricos da hipertensão arterial, num total de 700 páginas.

Hipertensão Arterial – Bases Fisiopatológicas e Prática Clínica é, sem sombra de dúvida, o mais abrangente e importante trabalho até hoje publicado no Brasil sobre o assunto